Desenvolvimento de Produtos

Modelo de Inovação CSN

Ciente de que a gestão estratégica da inovação permite o desenvolvimento econômico, tecnológico, intelectual e social, a empresa tem seu modelo sustentável de inovação com base na relação Governo – Universidade – Indústria.

Com um corpo técnico capacitado e o uso de tecnologias de Engenharia de Aplicação para apoio ao desenvolvimento de processos e clientes, a empresa busca excelência em ensaios e simulações de novos materiais, permitindo encurtar a resposta às demandas da cadeia de uso do aço. É incessante a busca da CSN por novos produtos, aplicações, aperfeiçoamentos e soluções.

 

 

Inovações Siderúrgicas

Engenharia de Aplicação

O aumento da competitividade e o surgimento de novas tecnologias de análise do comportamento do aço nos mais diversos processos de fabricação fizeram com que a CSN reunisse sua expertise na gestão de projetos de co-engenharia para geração de valor a uma metodologia sistêmica, com ferramentas de última geração incluindo simulação numérica, experimental e prototipagem. Assim nasceu a Engenharia de Aplicação que atua no desenvolvimento de processos internos e desenvolvimento produtos da CSN, visando orientar seus clientes em relação ao melhor aço para cada produto.

Em projetos dos segmentos automotivo, linha branca, embalagens e construção civil, promove a utilização de aços e processos de fabricação inovadores, proporcionando aos clientes redução de custo, aumento de competitividade e produtividade, oferecendo apoio desde o projeto, passando pela especificação do aço mais adequado para aplicação final, até o processo de fabricação.

A Engenharia de Aplicação da CSN utiliza uma metodologia inovadora que agrega valor tanto ao serviço quanto ao cliente, de forma a diminuir erros e retrabalhos em todos os processos de desenvolvimento.

 

Metodologia para a realização dos projetos de co-engenharia para geração de valor
1. O cliente possui uma pontencial aplicação em aço a ser desenvolvida (desejo do cliente) ou tem um requisito de maior exigência para uma aplicação atual;

2.Estabelecimento da parceria com o cliente, envolvendo todas as informações necessárias para o início do projeto de co-engenharia;

3. Definição das informações técnicas para a aplicação do aço na peça: design, processo de fabricação, desempenho em serviço, requisitos legais, entre outros;

4. Análise técnica da Engenharia de Aplicação através da utilização de ferramentas de simulação computacional e reprodução experimental;

5. Definição dos aços CSN adequados para a aplicação do cliente, satisfazendo todos os requisitos previamente definidos;

6. Produção das peças no cliente e realização de testes integrativos adicionais e provas de desempenho conforme projeto;

 

Última atualização em 8 de junho de 2021.

Voltar Topo